Fernando Torres / Paysandu

Nos dois títulos da Série B conquistados pelo Paysandu, o estádio da Curuzu serviu como trunfo para a equipe alviceleste, que depois de um mês retorna para jogar ao lado da torcida, no duelo contra o Boa Esporte-MG.

Apelidado de “Caldeirão do Diabo”, o estádio bicolor volta a receber uma partida do clube, o que é motivo de comemoração para o meia Diogo Oliveira.

“A torcida fica mais próxima e a pressão é muito grande para os adversários. Quando o time fica em vantagem no placar, o torcedor vem junto e isso precisa estar a nosso favor. Vamos procurar fazer um grande jogo, com uma grande intensidade e buscar a vitória”, diz o meia.


A volta a Curuzu também melhora o desempenho técnico da equipe, segundo o meia bicolor.

“A volta a Curuzu já começa pelo gramado. Aqui é infinitamente melhor”, diz o jogador.

Diogo Oliveira é uma das apostas do Papão para o jogo contra o Boa Esporte-MG, nesta terça-feira (20), às 20h30, no estádio da Curuzu.

(DOL)