Itupiranga e Carajás sobem para a Primeira Divisão do Parazão, em 2020.

A grande decisão da segunda divisão do Campeonato Paraense de futebol está definida: Carajás e Itupiranga irão se enfrentar neste domingo (24), às 15h, no estádio Mamazão, na Ilha de Outeiro, pelo primeiro duelo válido da final. As duas agremiações conquistaram a vaga para a disputa do troféu do certame na tarde de ontem. Contudo, o verdadeiro título foi assegurado logo após o encerramento das respectivas partidas com a confirmação do acesso à Elite Paraense para 2020.

O Carajás selou o seu regresso ao Parazão depois de cinco anos longe, ao vencer de virada o Parauapebas por 5 a 2. O Itupiranga, debutante na Divisão de Acesso, confirmou o favoritismo ao passar pelo Cametá no triunfo de 3 a 2. O jogo da volta entre as equipes está previsto para a próxima quarta-feira (27), às 15h15, no estádio Jaime Sena Pimentel, em Itupiranga.

CARAJÁS X PEBAS


Com a vantagem de ter ganhado o primeiro jogo da semifinal por 2 a 0 em casa, o Pebas entrou em campo, no Mamazão, no desejo de ratificar a sua classificação. E aos 11 minutos tratou de garantir o encaminhamento. Balotelli abriu o placar em belo gol. Aos 29, novamente Balotelli guardou e ampliou o marcador. O Pica-Pau, naquele momento precisava de cinco gols para reverter a situação. E foi o que aconteceu. Adauto, de cabeça, aos 35 minutos iniciou a reação. Aos 42, após escanteio, Neto igualou o marcador. A partir daí foi só sucesso para mandantes, porque logo no primeiro minuto da etapa complementar, Neto meteu o bico na bola sem chances para o goleiro. Aos 9, de cabeça, Neto fez o seu terceiro e o quarto do Carajás. Aos 13, Pulga liquidou a fatura.

“A missão era difícil, mas só desiste quem não tem fé. Viemos com o nosso objetivo e saímos com ele, que foi levar esse time a Elite. Agora queremos esse título”, disse Neto, principal jogador da partida.

ITUPIRANGA X CAMETÁ

Na expectativa de reverter o prejuízo de 2 a 0 no encontro inicial entre as equipes, o Cametá, no Parque do Bacurau, iniciou o jogo fulminante. Dudu, aos 10 minutos, guardou o gol a favor do Mapará. Mas, ainda no primeiro tempo, Marcos Vinicius empatou, aos 33 minutos. A surpresa ficou para o segundo tempo. Lukão colocou o Cametá na vantagem aos 12 minutos. Acontece que Guga e Carlos, aos 25 e 50 minutos, respectivamente, viraram para o Crocodilo e garantiram a vitória. “Muita gente subestimou por ser um time novo, mas futebol se faz em campo, com jogadores e com a vontade. O nosso primeiro objetivo foi alcançado com honra e glória. Não paramos por aqui”, disse Guga.

(Matheus Miranda / Diário do Pará)