Com um homem a mais desde os 39 minutos do primeiro tempo, o Botafogo foi valente e venceu, na noite deste domingo, o Fortaleza, de virada, por 3 a 1, no Nilton Santos, no Rio de Janeiro, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. A vitória colocou o time no G4.

Esta foi a segunda vitória consecutiva do Botafogo, que assumiu o quarto lugar, com 11 pontos – um ponto a mais que o Santos (5º colocado, com dez pontos). Já o Fortaleza, que ainda não venceu, ficou com apenas um ponto e na última posição do campeonato.

Fora de campo, mais uma vez a torcida botafoguense deu um show nas arquibancadas. Mais de 23 mil torcedores compareceram à partida e empurraram o time carioca.

QUE FESTA! 🖤⭐️ #OMaiorAmorDoMundo

📸 Vítor Silva/ BFR pic.twitter.com/QZuwxSIcsz

— Botafogo F.R. (@Botafogo) May 16, 2022


SUSTO NO INÍCIO E ALÍVIO NO FINAL

Embalado por seu torcedor, o Botafogo levou susto logo aos 13 minutos, quando Silvio Romero recebeu bom passe de Lucas Lima, dividiu com Gatito Fernández e Moisés ficou livre para apenas empurrar a bola para as redes. O gol chegou a ser anulado, mas foi confirmado pelo VAR após três minutos.

Atrás no placar, o Botafogo aumentou as investidas, mas mostrou nervosismo com a impaciência vinda das arquibancadas. O que durou até os 39 minutos, quando o zagueiro Ceballos fez falta por trás em Saravia, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo.

No primeiro lance com um homem a mais, o Botafogo encontrou o gol de empate. Aos 41, Victor Cuesta ficou com bola próximo à linha de escanteio e cruzou para Erison, que antecipou a marcação e cabeceou para as redes, confirmando a boa fase com a camisa alvinegra.

Meu lateral tentou dar mais uma assistência, mas hoje era dia de GOL. Daniel Borges fechou a conta e deu números finais ao jogo! 🎯⚽️

📹 @canalpremiere pic.twitter.com/EufZpP92dR

— Botafogo F.R. (@Botafogo) May 15, 2022

FOGÃO APERTA E GANHA NO FIM

No segundo tempo a partida ganhou requintes de emoção. Logo aos dez minutos, Erison recebeu na entrada da área e encheu o pé, acertando o canto do goleiro Marcelo Boeck. O lance foi revisado pelo VAR e a arbitragem anulou o gol botafoguense, pois o atacante estava impedido.

O Fortaleza manteve sua marcação bem postada e dificultou a vida do Botafogo. E os cearenses poderiam ter feito o segundo aos 16 minutos, quando Felipe emendou finalização de fora da área, mas Victor Cuesta se atirou na frente para bloquear o destino da bola, que seria o gol de Gatito Fernández.

Com o andamento da partida, o Botafogo precisou se atirar no ataque pelo gol da vitória, mas errou demais. Aos 35 minutos, Victor Sá cruzou, mas Erison não conseguiu concluir, com Lucas Crispim ficando com a bola e afastando o perigo da área.

De tanto insistir, o Botafogo encontrou dois gols na reta final do segundo tempo. Aos 43 minutos, Patrick de Paula cobrou falta, a bola desviou em Yago Pikachu e enganou o goleiro Marcelo Boeck. Por fim, aos 48, Daniel Borges cruzou na área, a zaga desviou e a bola foi parar dentro do gol, dando números finais ao confronto.

PRÓXIMOS JOGOS!

O Botafogo volta a campo no sábado para enfrentar o América-MG, às 21 horas, na Arena Independência, em Belo Horizonte. Já o Fortaleza receberá o Fluminense no domingo, às 16 horas, na Arena Castelão, em Fortaleza.

Antes disso, o time cearense ainda terá duelo decisivo na quarta-feira, contra o Alianza Lima, às 23 horas, no Peru, pela quinta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. A partida vale a manutenção do sonho pela classificação à próxima fase do torneio internacional.

Read More