O atacante Bergson, autor do gol bicolor no empate de sexta-feira, contra o Luverdense-MT, admitiu, ontem, que o gol marcado pelo adversário aos 44 minutos do segundo tempo foi um grande vacilo cometido pelo Paysandu. “Tivemos bastante vontade, mas não foi suficiente. Foi um banho de água fria. Mas tivemos uma boa postura”, afirmou.

Para o jogador, que soma 14 gols na temporada com a camisa do Papão, chegou a hora de o elenco assumir a culpa pela campanha desastrosa feita pelo time na Série B, na qual ocupa a 16ª posição na classificação. “A culpa e a responsabilidade são nossas, dos jogadores, e só nós podemos mudar essa história”, admitiu.


De acordo com o atacante, o elenco não pode se deixar abater emocionalmente pelos seguidos resultados ruins. “Não temos o direito de nos deixarmos abalar pelos resultados. Temos de trabalhar para mudar o que está acontecendo”, disse Bergson.

(Nildo Lima/Diário do Pará)