Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

A Sespa divulgou nota técnica que recomenda os Centros Regionais de Saúde e Secretarias Municipais de Saúde sobre a aplicação da dose de reforço contra a Covid-19 na população maior de 18 anos, que já tenha tomado a segunda dose de qualquer vacina contra a doença.

Desta forma, o Governo do Estado, por meio da Sespa, pretende vacinar toda a população maior de 18 anos com a dose de reforço.


Esta decisão tem como base estudos científicos atuais que reforçam que diferentes vacinas contra a covid-19 têm a capacidade de produzir memória imunológica e amplificar a resposta imune com a dose de reforço ao esquema vacinal inicial na população.

Conforme a nota técnica, a aplicação de uma dose de reforço da vacina deve ser administrada seis meses após a última aplicação da segunda dose ou dose única, independentemente do imunizante aplicado.

A vacina a ser utilizada na dose de reforço deverá ser, preferencialmente, a da Pfizer, ou de maneira alternativa, a vacina da Janssen ou Astrazeneca.

Ainda sobre o assunto, de acordo com o portal Covid-19 da Sespa, que mostra o ranking dos bairros de Belém com mais casos, o bairro do Marco lidera em registros com 6.943 casos, seguido da Pedreira com 6.431 casos e Marambaia com 5.240 casos.