O Campeonato Paraense está a uma semana de começar e com isso os clubes correm para deixar os seus jogadores prontos para a estreia, mas essa não é a única correria que as agremiações estão enfrentando.

Isso porque no início de cada temporada, os estádios precisam estar aptos para receber jogos do Parazão e também de competições nacionais e como o estádio Mangueirão está em reformas, os documentos são cada vez mais valiosos para a definição dos locais das partidas.

Segundo o diretor de segurança da Federação Paraense de Futebol (FPF), Cláudio Santos, alguns estádios estão com documentos pendentes, enquanto que outros já estão aptos para receber partidas.


“A maioria dos clubes já entregou os laudos necessários ou ainda estão com documentação em dia”, aponta.

Sem revelar os locais, Cláudio diz que até a data de abertura do Campeonato Estadual, todos os estádios devem estar com seus documentos entregues a FPF para receber jogos.

“Poucos estádios estão com laudos pendentes e as agremiações envolvidas se comprometeram a entregar os documentos até o dia 26, data da abertura do Campeonato Paraense”, finaliza.

Oito estádios devem receber os jogos da edição do Parazão 2022.

(DOL)