O Atlético Paranaense volta a campo no domingo, quando recebe o Santos, na Arena da Baixada, fechando a sexta rodada do Campeonato Brasileiro 2017. O técnico Eduardo Baptista confirmou pelo menos duas mudanças no time para encarar o Peixe, as voltas de Thiago Heleno na zaga e de Matheus Rosseto no meio-campo.

“O Thiago ganha condições. Só fizemos um rodízio. Sentimos que chegou no limite do cansaço e era um risco jogar. Tínhamos o Wanderson em boas condições e poupamos o Thiago”, disse o treinador, que também volta com Rosseto desde o início do jogo. “Vem em uma crescente. É um jovem, que está em uma crescente. A tendência é que ele volte. Ele sofreu um pouco com a sequência e por isso seguramos. Ele entrou e o time evoluiu no segundo tempo contra o Fluminense. Se tudo correr bem, volta a equipe titular”, emendou.


Já outros jogadores ainda devem esperar um pouco mais para retornar e o comandante rubro-negro citou dois casos. “Quanto ao João Pedro, no primeiro treinamento que eu iria observá-lo, fez 10 minutos e sentiu uma lesão. Vi pouco ele jogar aqui no Atlético Paranaense. O Carlos Alberto ainda aguarda um pouco. Clinicamente já está recuperado, mas terá uma volta gradativa”, afirmou.

Sobre o sistema de jogo e o trabalho da defesa, Eduardo afirmou que aos poucos as falhas vão sendo corrigidas e o time se encaixando. Agora falta o resultado. “Compactamos o sistema defensivo e diminuímos os gols e os cruzamentos. Deixamos o adversário mais longe do nosso gol. É um fator que conseguimos diminuir. A bola parada temos trabalhado. Estamos corrigindo algumas falhas e continuamos trabalhando para tentar não tomar gols”, concluiu.

Fonte: Gazeta Esportiva